sábado, agosto 21, 2004

Não é lógico, mas ...

Um dos personagens mais famosos da ficção científica (e o mais popular da série Star Trek), o Sr. Spock é um alienígena meio vulcano e meio humano, de orelhas pontudas, mente aguçada, extremamente racional e com um coração (bom, ele tem um!).Em um dos episódios mais lembrados pelos fãs, "Tempo de Loucura", Spock vê-se na, para ele constragedora, época de acasalamento vulcana. Para alguém tão lógico, frio e normalmente equilibrado não é agradável perder o controle como um animal no cio!

Voltando ao seu planeta na companhia do capitão Kirk e do Dr. McCoy, ele deve participar de uma cerimônia, onde, num duelo de morte, o vencedor poderá desposar a bela T'Pring. Esta escolhe Kirk, melhor amigo de Spock, para enfrentá-lo até a morte.
O combate é difícil para ambos, mas o vulcano vence e o capitão tomba aparentemente sem vida (graças a um truque do Dr. McCoy).Encurtando a história, T'Pring acaba ficando com outro vulcano, Stonn e Spock lhe pede a explicação. Ela diz que aquele seria mais fácil de ser controlado. Se Kirk tivesse vencido não iria querer sua mão, e ela teria Stonn. Spock vencendo, também não iria, pela forma como foi atirado ao combate contra seu melhor amigo e,de novo, ela teria Stonn.
Satisfeito com a explicação bastante lógica, Spock prepara-se para voltar à nave com os companheiros, mas, antes, fala (talvez, usando seu lado humano) a Stonn:"...Ela é sua. Depois de algum tempo, vai perceber que ter não é tão satisfatório quanto querer. Não é lógico, mas, às vezes é verdade..."
Em determinado momento, Spock havia finalmente compreendido. Alguns passam a vida toda sem conseguir fazê-lo.
Vida longa e próspera !!!