domingo, julho 31, 2005

Um êxtase quase místico

Assim, de repente , no meio do nada,
encontrei um pedaço de tudo o que sempre quis...
Enxerguei no escuro, mesmo tendo a luz apagada
Passou como um vulto e só não me escapou pro um triz!
****************
Então, não por acaso, vim a conhecer
o que é a real sintonia, afinal
E passei a ganhar quando perdi o medo de perder
Antevi um prazer e uma paz sem igual
********************
Crianças, não subestimem as suas chances de felicidade
lembrem-se que, na China, crise é sinônimo de oportunidade!
Fechem os olhos para poder descansar,
Abram sua mente para poder despertar !!
********************
O que se procura com o coração
está ao alcance de nossas mãos !

Qual desculpa você daria ?

Qual desculpa você daria se fosse flagrado com 100 mil na cueca?**

* É que eu sou um stripper muuuuuito famoso

* É que meu pinto estava duro e resolvi emprestar um dinheiro pra ele...

* É que o bolso da calça rasgou...

* Eu sou uma nova versão da galinha de ovos de ouro

* Maldito chinês da lavanderia!!!

* A cueca é suja, mas o dinheiro é limpo!

* É melhor 100 paus na cueca que 1 na poupança...

* É que minha mãe sempre disse pra eu guardar o dinheiro na poupança...

* É pra valorizar o produto!!!

* Eu gosto de guardar meus maiores tesouros no mesmo lugar

* Não coube na carteira, então guardei no saco...

* É uma simpatia!

***********************************
******Tirado de não sei onde (recebi de uma amiga via e-mail)

quarta-feira, julho 27, 2005

Uma rapidinha...

Só queria deixar aqui um lembrete a todos que me visitam e comentam sempre, que às vezes, demoro a comentar nos respectivos blogs, não por falta de visita, mas simplesmente porque alguns desses demoram uma eternidade para abrir completamente (a área dos comentários é sempre a última e mais difícil, muitas vezes nem abre)!
Mas estejam certos de que estou sempre atento ao que vocês escrevem e prestigiando. Ósculos e amplexos !
No mais, correria de última semana de férias...

domingo, julho 24, 2005

Realmente...

"Bocejar é exercer involuntariamente o direito de crítica."
"Há metafísica bastante em não pensar em nada" Fernando Pessoa
"Ninguém nunca se embriagou por apenas conhecer intelectualmente o significado da palavra vinho" Anthony de Mello
"Vida é o que acontece enquanto você está ocupado fazendo outros planos" John Lennon
"eu nunca escrevi torto, vocês é que não sabem ler" Antônio Fagundes, interpretando Deus em Deus é Brasileiro
"Democracia é quando eu mando em você, ditadura é quando você manda em mim"

Quem se habilita a responder isso aqui? hahaha... fala sério!!

sexta-feira, julho 22, 2005

Entra naquela fila lá, ó ...

Dizem que o Paraíso e o Inferno são muito parecidos... A única diferença é que no Inferno há muita burocracia!
Não preciso dizer como foi a minha semana de renovação de matrícula na faculdade, tendo de ir a, pelo menos, quatro setores diferentes em dois dias seguidos (por que uma lá vaca não avisou a ninguém que ainda faltava assinar um contrato, então um monte de gente teve de voltar no dia seguinte)...
Bom, mais tarde então, refeitos os ânimos, tem post novo. Até!

domingo, julho 17, 2005

A soma de tudo

Mãe, pai, observação, avó, tios , tias, primos, primas, professoras, amigos, TV, cartilha, revistas, livros didáticos em geral, aprendizado, Clube do Capitão Aza, gente da rua, vendedores, Da Vinci, Dali, arte pictórica, Homero, mitologias, Nietschze, Kant, Kierkgaard, Buda, filosofia, Jung, Freud, psicologia, Dante, Goethe, Poe, Glauber, O Tao da Física, reflexão, Chaplin, Stan Laurel e Oliver Hardy, irmãos Marx, Trapalhões, circo, risos, Wagner, Chopin, Beethoven, Vivaldi, sublimação, Hitchcock, Kubrick, progressivo, Pink Floyd, Genesis, heavy metal, Iron, Helloween, Dream Theater, Viper, Metallica, Dio, hard rock, Jean Luc-Ponty, jazz-fusion, violão, guitarra, violino, música, faixa de Moebius, paixões, amores, lágrimas, mudanças, magia, espiritualidade, crescimento etc. etc. etc.
A criança nasce sem ego. Este é a soma de tudo que nos foi acrescentado ao longo do tempo. Retire toda a massa que nos envolve e o que restar, e for intangível , seremos nós...

sábado, julho 16, 2005

O poder de um nome

Sob um ataque súbito, aquela área da cidade estava sendo evacuada às pressas. Passando por um beco, o soldado avistou uma criança.
Era uma menina, que chorava, segurando um cãozinho, buscando protegê-lo do fogo cruzado e das explosões.
O soldado se aproximou e tentou acalmá-la, perguntando onde estavam seus pais. A criança respondeu que sua mãe a tinha incumbido de devolver o cachorrinho para junto dos seus, antes do ataque começar. Quando perguntada sobre como era o nome do pequeno e assustado animal, esta respondeu que não tinha escolhido nome algum para ele.
O Soldado então perguntou o porquê disto e ela , simplesmente, respondeu que se assim o fizesse, iria sentir saudades do cãozinho e sofreria mais...
Quanta sabedoria pode ser encontrada numa criança!

quarta-feira, julho 13, 2005

Os Homens de Conhecimento

Ultimamente ando numa fase (prolongada, diga-se de passagem) de busca por um lado meu de bruxo, que estava meio, não esquecido, mas deixado de lado, em virtude do acúmulo de trabalho e aulas na faculdade.Para tanto, estou relendo, pela enésima vez, a obra de Castañeda, começando pelo excitante A Erva do Diabo. Quem nunca leu, não faz idéia do que está perdendo...
A descrição das experiências relacionadas à realidade não-comum e os encontros com os chamados aliados (seres que são invocados durante o contato com as ervas e poder), prendem de tal forma o leitor, que é difícil não bater a vontade de saber qual a sensação de ver seu corpo desvanecer com o fuminho (humito) ou mesmo voar com os corvos (tornando-se um deles).
Uma pena que a maioria das pessoas se prenda mais ao prazer que tais ervas podem provocar do que ao conhecimento que pode advir delas (se bem que os relatos contidos no livro, falam muito mais de sensações de enjôo e dor de cabeça que de prazer sensorial).
Para mim, o grande barato está, não em fugir da "realidade", mas em penetrar nela a tal ponto que nada lhe seja misterioso, pelo menos, até onde isso é possível, para, assim, transcendê-la.
E para quem acha que os ensinamentos de Dom Juan nada tem de práticos (a não ser no óbvio e ululante), cito a passagem em que Carlos lhe pergunta se as suas perguntas constantes o aborrecem. Ao que o velho índio responde que raramente de aborrece, tendo em vista que para isso os atos das outras pessoas teriam de ter alguma importância (ensinamento que negligenciei nos últimos meses, mas que estou procurando estar mais atento daqui por diante).
Grande abraço e ótima semana a todos! Grato pelo carinho de sempre!

terça-feira, julho 12, 2005

Resíduos do vendaval

Esta semana obtive, finalmente a confirmação daquilo que já imaginava... De que aquela rasteira que levei faz alguns meses foi completa, e não só em alguns aspectos. Além da decepção de perder uma grande amizade (que, na verdade, nem deve ter sido) descobri que foram ditas mentiras, as quais vieram à tona recentemente. Estas, me foram jogadas na cara , passadas como verdades, e que me fizeram sentir abaixo de sub-nitrato de pó de merda.
Mas o mundo dá voltas e hoje percebo que, de fato, se há pessoas em quem posso confiar, só posso apontá-las no final do caminho. Que confiança é como andar de olhos vendados por uma ponte sobre o abismo em meio a densa neblina...
E que poderia escrever um livro sobre tudo isso, mas, essa pessoa não merecia nem mesmo um telegrama escrito PT saudações !!!

domingo, julho 10, 2005

Cine Trash

Esqueci de contar a vocês que fui a uma maratona de amostra de vídeos semana passada...
Que coisa mais interessante... O primeiro filme foi Fome de Viver , com David Bowie interpretando um vampiro moribundo (e seria o ponto alto do dia se... ah, daqui a pouco eu conto). O segundo foi Terra dos Mortos, um filminho sobre zumbis descartável até a alma que deveria ser banido da história cinematográfica. E o terceiro era sobre os monstros de Bugaloo ou qualquer coisa assim. Um filme B... não B, não! O filme era totalmente Z !!! Filmaço com a Wilza Carla numa fazenda cheia de aberrações da natureza... programão !!!

Das Coisas Efêmeras

O que é eterno muitas vezes
Torna-se insípido
Para nós que estamos acostumados
Ao doce sabor das coisas efêmeras!!!

********
O que é fugaz,
Quase sempre brilha mais
Como as estrelas que explodem
Pouco antes que no vasto breu se apaguem
************
Bilhões de anos nada são
Comparados ao êxtase
Que se alcança num piscar de olhos
Enquanto a areia escoa
A mente conta, sente o coração
Quando o impulso primevo e a vida, face a face
Captam o som além do sussurro que pelo quarto ecoa
***********
E o que é o eco senão a vontade
De repetir e preservar o instante
Sublime e tão almejado,
Razão, início e ápice de tudo
Ponto alto que a lembrança canta
Lua que insiste em brilhar quando o Sol levanta
Mantra perfeito que nos deixa mudos num segundo

***************
Bom, alguns podem questionar o que faz este poema quase erótico perdido por aqui (apesar do nome sugestivo deste blog) , mas não podem negar que existe algo de gozado nisso tudo (no bom sentido, claro) ! huahuahua

domingo, julho 03, 2005

Eles voltaram!!!

Às vésperas do encontro do G8, o Live 8 (alguem lembra do Live Aid de Bob Geldof), trouxe neste sábado uma gama de artistas espalhados por diversos países no intuito de conscientizar os líderes mundiais para as decisões que devem (ou deveriam) ser tomadas este ano.
No meio de tanto arroz de festa como Bono Vox, Sting,Paul McCartney e outros, a grata surpresa de ver reunido o The Who e... Pink Floyd com Roger Waters!!!!
Ouvir Wish You Were Here e Confortably Numb com o baixo de Waters após tantos anos de separação foi o ponto alto do dia!!
Mas , voltando à vaca fria (que não é a da capa do Atom Heart Mother...), espero que os líderes tomem decisões que justifiquem a posição que ocupam na política do nosso planeta tão castigado...
Afinal, se Waters e Pink Floyd voltaram a tocar juntos , esquecendo as diferenças, porque não acreditar na chance de um milagre dos carinhas não fazerem merda pelo menos uma vez na vida?
Vaca é a mãe !!! E é mesmo... rsrs