sábado, julho 16, 2005

O poder de um nome

Sob um ataque súbito, aquela área da cidade estava sendo evacuada às pressas. Passando por um beco, o soldado avistou uma criança.
Era uma menina, que chorava, segurando um cãozinho, buscando protegê-lo do fogo cruzado e das explosões.
O soldado se aproximou e tentou acalmá-la, perguntando onde estavam seus pais. A criança respondeu que sua mãe a tinha incumbido de devolver o cachorrinho para junto dos seus, antes do ataque começar. Quando perguntada sobre como era o nome do pequeno e assustado animal, esta respondeu que não tinha escolhido nome algum para ele.
O Soldado então perguntou o porquê disto e ela , simplesmente, respondeu que se assim o fizesse, iria sentir saudades do cãozinho e sofreria mais...
Quanta sabedoria pode ser encontrada numa criança!