domingo, outubro 23, 2005

Tinha uma pedra no meio do rinzinho

Alguém aí sabe o que é uma crise renal? Só posso dizer que é sinistro. Sempre ouvi dizer que é uma das piores dores que uma pessoa pode sentir. E , de fato, foi como se tivessem juntado todas as dores que senti na vida num dia só e elevado ao quadrado. Se fosse possível, preferia mil vezes dar à luz uma criança... pode rir... mas é foda!
Acho que tenho pensado e sentido demais a minha vida toda. Somatização? Talvez...
Será que os hindus e budistas estavam certos?
Uma coisa é certa, eu dou importância demais a determinadas coisas - a seriedade parece um caminho sem volta - e os extremos são quase sempre perigosos.
Será a loucura o ponto de equilíbrio?
Quero ver renascer o palhaço de antes, mas sem máscaras. Sem bater palma pra maluco dançar. Com lucidez para alcançar a paz. Com simplicidade pra me alegrar com as pequenas vitórias. Com a confiança de que amanhã sempre pode ser bom pra caralho.
Com ao menos uma certeza: o nosso espírito não se quebra nunca, apesar de termos essa impressão.
**********
Ouvindo direto: Carry On (Angra) e Dust in the Wind (Kansas)
*********
Esqueci de dizer uma coisinha: não deixe que a sua cabeça calcule demais, ou seus rins podem querer contribuir com os cálculos também! huahuahua Ah, vai, essa foi boazinha...