sexta-feira, agosto 11, 2006

Turbulências

Bom, pessoal, que eu praticamente tenho deixado esse humilde espaço às moscas nos últimos meses não é novidade.
Acontece que, depois que assumi uma posição (no bom sentido hehe) de comando onde trabalho, as coisas não têm sido moles (no mau sentido):
Trabalho semi-escravo do tipo chicotada nas galés de filme antigo (não sei se deu pra entender a metáfora), uma chefe que acha que tudo que a gente faz está aquém do esperado, assédio moral (muito sério isso), vontade de colocá-la no pau (na justiça melhor dizendo) etc.
Resumindo: não é bolinho, não!
Mas espero que tudo volte ao normal pra que eu possa voltar a escrever as velhas abobrinhas despretensiosas de sempre.
Adoro tudo ocês !
Ósculos e amplexos !!!